RACISMO

RMC

Americana inicia série de palestras sobre letramento racial

Palestras e apresentações teatrais sobre letramento racial começam na segunda-feira em Americana

Começa na próxima segunda-feira, dia 27, a série de palestras sobre letramento racial, “Racismo é um Projeto”, com as atrizes Adriana Brasil e Karoline Leão. A ação também conta com apresentação teatral sobre o tema. O evento é uma realização da Prefeitura de Americana, por meio da Secretaria de Cultura e Turismo, viabilizado com recursos da Lei Paulo Gustavo (Lei Complementar nº 195/2022).

A primeira atividade será realizada às 18h30 na sede do Projeto Força e Fé, na Rua dos Colibris, 670, Jardim dos Lírios. A apresentação terá tradução simultânea para Libras.

“Racismo é um Projeto” traz para a pauta quatro pilares que são a base do racismo no Brasil: escravidão, eugenia, democracia racial e sistema midiático, bem como a desconstrução e descolonização de conceitos.

“A atividade une conhecimento e entretenimento, onde a palestra se funde com a magia do teatro, proporcionando uma abordagem inovadora, envolvente e aprofundada sobre a sociedade. A palestra aborda o letramento racial, que traz consciência para compreender, analisar e interpretar criticamente questões relacionadas à raça, etnia e diversidade cultural do nosso País”, destaca Adriana Brasil.

A palestra é aberta com uma apresentação teatral, com a peça “Eu, Você, Nossas Cores, Nossa Voz”. É a história de duas mulheres marcadas pela história de luta e suor que se unem para trabalhar juntas, compartilhando momentos, vivências e memórias.

Dandara e Yalodê, além de serem amigas de longa data, são irmãs em uma batalha por um mundo mais justo e igualitário.

“A Lei Paulo Gustavo está cumprindo seu papel de fomentar a cultura nas mais diversas linguagens, promovendo acessibilidade e inclusão a cada ação”, destaca a secretária de Cultura e Turismo, Marcia Gonzaga Faria.

Agenda

As atividades serão realizadas em outros dez locais em diferentes datas. A próxima delas será no dia 3 de junho na Escola Estadual Professora Delmira de Oliveira Lopes, na Rua dos Narcisos, 130, Vila Mathiensen, às 8h.

No dia 21 de junho é a vez da Escola Estadual São Vicente de Paulo, na Rua Dom Barreto, 1001, Jardim Paraíso, às 9h30.

Outro local definido é a Casa de Dom Bosco, no dia 8 de agosto, às 16h30, na Rua dos Colibris, 235, Vila Mathiensen.

Na APAM (Associação de Promoção e Assistência de Americana), o evento será no dia 27 de agosto, em três sessões: 9h, 14h e 15h30. O endereço é Rua dos Apeninos, 219, Jardim Alvorada. As demais datas das apresentações ainda serão definidas.

 

COMPARTILHE NAS REDES