Felipe Zangari

Felipe Zangari

Jornalista e estudante de teologia pelo Centro Universitário Claretiano

Conteúdo relacionado - Autor - Texto Principal

Páscoa: A morte foi vencida pelo Senhor da Vida!

Ó, morte, onde está a tua vitória? Cristo Ressurgiu para manifestar a Sua glória! A pedra foi removida, o sepulcro está vazio, o anjo anuncia às mulheres que a Redenção aconteceu na história da humanidade. É Páscoa! Tamanha é a alegria que nos invade nesses dias em que estaremos a comemorar a Ressurreição do Senhor.

A Igreja testemunha, por meio dos apóstolos, e faz coro com os discípulos de Emaús: vimos o Senhor ressuscitado! O Cristo que vence a morte encerra em si o ciclo dos profetas, confirma sua eleição diante de Deus, revela com definitiva clareza que é o Filho, o enviado, o ungido. O evento morte-ressurreição sela a aliança prenunciada na Ceia, dá sentido à vida dos seres humanos e sustenta para todo sempre a confiança daqueles que depositaram nele a sua esperança.
A vida da Igreja ganha sentido verdadeiro com o mistério da ressurreição. O Evangelho ressoa nos corações porque aquele que fora morto por conta dos nossos pecados ressurgiu glorioso para testemunhar: a morte não tem a última palavra. É com esse espírito de fervor renovado que cantamos o solene “Aleluia” pelo amor do Pai, que fez o Filho vencer as trevas para completar a salvação do gênero humano e estabelecer, no primeiro dia da semana, o início de uma nova criação.
Que em cada coração, a Páscoa possa reacender o desejo de uma vida nova, baseada no amor – que é o vínculo da perfeição, como nos lembra o apóstolo Paulo. Que nas nossas famílias e comunidades estejamos disponíveis para viver, dia após dia, a maravilha da Ressurreição manifestada nos gestos de caridade, de superação dos preconceitos, de justiça social.
Viva Jesus Ressuscitado! Louvores a esse Deus apaixonado que venceu a morte para nos garantir a Vida! Amém! Aleluia! Aleluia!