Comércio de rua reabre hoje, com restrições, a partir das 12 horas

Comércio de rua reabre hoje, com restrições, a partir das 12 horas

Rua Antonio Carlos, principal via de comercio de rua da cidade
Rua Antonio Carlos, principal via de comercio de rua da cidade

Após permanecer 41 dias fechados, o comércio de rua de Valinhos retoma suas atividades nesta segunda-feira, dia 27, com horário previsto para funcionamento das 12h às 16h (segunda a sexta-feira) e das 9h às 13h (sábado).

Outros segmentos não essenciais como escritórios, concessionárias, shopping centers, galerias, imobiliárias e serviços de banho e tosa se animais e de limpeza e higienização de veículos, tambem poderão abrir com horários específicos e restrições.

A reabertura, gradual, só está sendo possível porque a região de Campinas que se encontrava na fase 1 (vermelha) do Plano São Paulo, a mais restritiva, conseguiu avança para a fase 2 (laranja) que permite abertura de alguns segmentos de forma parcial, com restrições.

Os estabelecimentos considerados não essenciais estavam fechados desde 16 de junho. Nesse período, a cidade passou pela pior fase da pandemia, quando o número de casos começou uma curva de crescimento acelerada e as taxas de ocupação de leitos de UTI variaram entre 80 e 100%.

A Prefeitura deverá publicar ainda nesta segunda-feira, dia 27, o decreto com as regras para a nova fase. Na noite da última sexta-feira, o prefeito Orestes Previtale (DEM) divulgou vídeo falando sobre a reabertura do comércio em Valinhos. O prefeito fez questão de pedir aos comerciantes e à população para que continuem seguindo todas as normas de segurança e que evitem aglomerações, pois a pandemia ainda não acabou.

Nesta nova fase, os setores selecionados terão que respeitar horários alternativos de funcionamento, com expediente diário de no máximo quatro horas, além de uma série de regras sanitárias impostas pela Vigilância Sanitária e que têm como objetivo a redução dos riscos de contágio pelo coronavírus.

Ao longo da próxima semana, a Prefeitura pretende avaliar algumas alternativas às regras de flexibilização, sempre com objetivo de ampliar a segurança para essa fase de retomada. Entre os aspectos que vão passar por avaliações estão, por exemplo, os horários de abertura e fechamento das lojas e escritórios e o tempo que esses estabelecimentos poderão ficar abertos ao longo do dia. As regras sanitárias não serão modificadas.

Em caso de desrespeito ao isolamento social e às novas regras publicadas, ou ainda no caso de um aumento significativo de casos de Covid-19 ou da ocupação de leitos de hospitais, é possível que a cidade toda volte ao regime de isolamento completo, só com atividades essenciais em funcionamento. A avaliação será feita diariamente pela Secretaria da Saúde.

Para adotar a liberação para a Fase Laranja, o Governo do Estado avaliou todos os municípios de São Paulo em relação a leitos e casos de Covid-19 e a curva de evolução da doença. As regiões foram divididas em grupos e as liberações são individualizadas, de acordo com o resultado de cada avaliação regional. Em Valinhos, a queda da taxa de ocupação de leitos de UTI nos últimos dias foi fundamental para permitr a mudança de fase.

A Secretaria da Saúde reforça que a flexibilização autorizada pelo Estado não significa que a pandemia foi controlada. Os técnicos da Secretaria mantêm o alerta na cidade, junto com o apelo para que a população use máscaras, adote a correta e frequente higienização preventiva das mãos, respeite o isolamento, reduza a circulação pelas ruas e faça sua parte para a contenção da doença.

As regras para reabertura nesta segunda-feira, dia 27

1 – Atividades de Comércio de Rua, com horário de funcionamento das 12h às 16h (segunda a sexta-feira) e das 9h às 13h (sábado).

2 – Atividades Imobiliárias, com horário de funcionamento das 9h às 13h (segunda a sexta-feira).

3 – Escritórios, com horário de funcionamento das 9h às 13h (segunda a sexta-feira).

4 – Concessionárias, com horário de funcionamento das 10h às 14h (segunda a sexta-feira) e das 8h às 12h (sábado).

5 – Shopping Centers, Galerias e Congêneres, com horário de funcionamento das 12h às 16h (segunda a domingo).

6 – Serviços de Banho e Tosa de Animais Domésticos, com horário de funcionamento das 8h às 12h (segunda a sábado).

7 – Serviços de Limpeza e Higienização de Veículos, com horário de funcionamento das 8h às 12h (segunda a sábado).

A Prefeitura reforça que pretende avaliar ao longo da próxima semana algumas alternativas a essas regras de flexibilização, sempre com objetivo de ampliar a segurança para essa fase de retomada. Entre os aspectos que vão passar por avaliações estão, por exemplo, os horários de abertura e fechamento das lojas e escritórios e o tempo que esses estabelecimentos poderão ficar abertos ao longo do dia.