Prefeitura realiza treinamento sobre Violência e Intoxicação na Saúde

Prefeitura realiza treinamento sobre Violência e Intoxicação na Saúde

Palestras abordaram padronização de notificações, atendimento e aprimoramento de habilidades
Palestras abordaram padronização de notificações, atendimento e aprimoramento de habilidades

A Prefeitura de Valinhos promoveu nesta segunda-feira (24) um treinamento sobre Violência e Intoxicação Exógena no Centro de Estudos e Treinamento em Saúde (CETS) para profissionais da Saúde Municipal. O treinamento abordou padronização de procedimentos de preenchimento de fichas de notificações do Sistema de Informação de Agravos de Notificação (SINAN), apresentação do fluxo de atendimentos e aprimoramento de habilidades na rotina com os pacientes.

“Casos de intoxicação exógena são de pessoas expostas a substância químicas, como agrotóxicos, medicamentos, produtos de uso doméstico, cosméticos e higiene pessoal, e apresentam sinais e sintomas clínicos de intoxicação ou alterações laboratoriais”, disse a diretora de Divisão de Vigilância Epidemiológica, Claudia Maria dos Santos.

Segundo Claudia, já os casos de violência englobam violência doméstica, intrafamiliar, sexual, autoprovocada, tráfico de pessoas, trabalho escravo e infantil, tortura, intervenção legal, violência homofóbica contra mulheres e homens em todas as idades.

“No caso de violência extrafamiliar e comunitária, serão objetos de notificação as violências contra crianças, adolescentes, mulheres, pessoas idosas, pessoa com deficiência, indígenas e população LGBT. O objetivo dessa palestra é fazermos uma orientação mais aprimorada de todo o ciclo, desde o relato do caso do paciente até o preenchimento correto da ficha para fazermos um acompanhamento com mais rigor”, afirmou.

A capacitação foi ministrada pela Interlocutora do Programa de Violência (GVE), Miriam Xavier Hisano, e dois profissionais da Vigilância Epidemiológica de Valinhos, o técnico de veterinária Rafael César Lana e a médica sanitarista Maria de Lourdes Grossi Domingues.

Participaram do treinamento os profissionais das Unidades Básicas de Saúde (UBSs) de Valinhos, Unidade de Pronto Atendimento (Upa) e do Centro de Referência de Atendimento Psicossocial (Creaps).