Propostas para reduzir número de vereadores são apresentadas na Câmara

Propostas para reduzir número de vereadores são apresentadas na Câmara

Os projetos estão em análise nas comissões permanentes da Câmara e ainda não têm data definida para ser votado.
Os projetos estão em análise nas comissões permanentes da Câmara e ainda não têm data definida para ser votado.

Dois projetos de emenda à Lei Orgânica foram apresentados na sessão desta terça-feira (11) com o mesmo objetivo: reduzir o número de vereadores em Valinhos. O primeiro, protocolado no último dia 7 e assinado por 11 parlamentares, reduz as cadeiras no legislativo valinhense de 17 para 15. Já a segunda proposta, assinada por seis vereadores, foi protocolada nesta segunda-feira (10) e reduz as vagas de 17 para 13.

A redução para 15 parlamentares foi sugerida pelos vereadores Giba (MDB), Toloi (DEM), Alécio Cau (PDT), Franklin (PSDB), Edson Secafim (Progressistas), Mayr (PV), Henrique Conti (PV), Kiko Beloni (PSB), Mauro Penido (PPS), Mônica Morandi (PDT) e César Rocha (Rede). Além de reduzir o número de vereadores, o projeto também faz uma alteração na Lei Orgânica do Município, prevendo que, a partir de agora, a proposta que altere a composição da Câmara seja, obrigatoriamente, assinada por pelo menos dois terços dos parlamentares.

Outro projeto, que reduz a quantidade de vereadores de 17 para 13, é assinada pelos vereadores Aguiar (PSDB), Dalva Berto (MDB), Edson Secafim (Progressistas), Giba (MDB), Israel Scupenaro (MDB) e RobersonCostalonga “Salame” (MDB).

Se qualquer um dos projetos for aprovado, a redução já vale para a próxima eleição, em 2020. Em ambos os casos, são necessários os votos de 12 vereadores para aprovação.

Os projetos estão em análise nas comissões permanentes da Câmara e ainda não têm data definida para ser votado.