Coligações partidárias movimentam bastidores

Coligações partidárias movimentam bastidores

A Eleição do dia 15 de novembro será a mais disputada da história de Valinhos desde a emancipação da cidade em 1955. Serão 11 candidatos a Prefeito e Vice. A disputa será acirrada tendo em vista o cenário político, o perfil e o histórico dos candidatos, a influência da política nas esferas estadual e nacional, bem como reflexos da Pandemia do Coronavírus que deve influenciar no número de eleitores que irão às urnas. 93.193 eleitores podem votar.

Uma das estratégias dos Partidos para ampliar as ações e conseguir maior número de votos é estabelecer Coligação com outros Partidos. Das 11 candidaturas, 5 fizeram Coligações partidárias. Nesta eleição o DEM, do atual Prefeito e candidato à reeleição Dr. Orestes, terá a companhia do Podemos, PDC e PSDB. Já o Republicanos, do candidato Clayton, tem o apoio do Cidadania e do PV.

O PDT, do candidato Tonetti, está coligado com o PSB, Avante, Rede e Progressistas. O PTB, do candidato Secafim, está coligado com o PSC. O PTC, do candidato Paulo Bandina, está junto com o PL. As demais candidaturas: MDB (Dalva), PSL (Nadyr), PRTB (Aguiar), PSD (Lucimara), PT (Thiago) e Patriota (Paulo Batista) optaram por não estabelecer Coligação e apostam na ‘chapa pura’, ou seja, candidatos a Prefeito e Vice do mesmo partido.