Câmara de Valinhos usa redes sociais para separar fatos de boatos

Câmara de Valinhos usa redes sociais para separar fatos de boatos

Da Redação

 Diante da proliferação de boatos que tomam conta das redes sociais e de correntes de WhatsApp, a Câmara de Valinhos resolveu promover uma ação contra as informações falsas e, agora, usará as redes sociais Facebook e Twitter para separar fatos e boatos que envolvem o Poder Legislativo. Semanalmente, serão publicados banners informativos com verdades e mentiras relacionadas à Câmara e à atividade parlamentar. Segundo o presidente Israel Scupenaro (PMDB), a data de lançamento da nova ferramenta de comunicação foi escolhida propositalmente para este sábado, 1º de abril, tido como Dia da Mentira. “Nada como falar a verdade no dia em que muitos mentem”, disse.

No primeiro banner, já publicado nas redes sociais, a Câmara esclarece se os vereadores de Valinhos têm direito a 13º e 14º salários, como muitos moradores acreditam. A informação é desmentida, já que os parlamentares não têm direito a nenhum dos benefícios, apenas ao subsídio mensal aprovado por lei. Além de receber apenas o subsídio, o post informa que o vereador não têm direito à vale-alimentação, vale-refeição, auxílios e plano de saúde.

De acordo com o Departamento de Comunicação da Câmara, o objetivo do banner é fortalecer o jornalismo responsável, que nos últimos anos, diante da inundação de notícias que chegam a todo instante nos celulares, tablets e outros dispositivos, tem enfrentado desafios para informar o cidadão com fatos verdadeiros e contextualizados. A iniciativa de desmentir boatos foi inspirada em seções de jornais de grande circulação como O Globo, Extra e Correio Popular.

Para o presidente da Câmara, vereador Israel Scupenaro (PMDB), a iniciativa do Legislativo servirá de exemplo para outras câmaras da região. “A classe política sempre foi alvo de boatos porque existem as pessoas que buscam informação em jornais de credibilidade e nos sites oficiais e, infelizmente, tem aquelas que somente se informam pelas redes sociais. Hoje temos de conviver com perfis fakes e com pessoas que têm como objetivo desinformar o cidadão, prestando um desserviço. E uma de nossas funções é ser transparente sempre”, afirmou.

A Câmara esclarece que todas as informações oficiais podem ser consultadas no site do Legislativo: www.camaravalinhos.sp.gov.br, e também nas redes sociais: facebook.com/camaramunicipal.devalinhos e Twitter.com/camaravalinhos.