Câmara aprova iluminação pública com LED em novos loteamentos

Câmara aprova iluminação pública com LED em novos loteamentos

Da Redação 

Proposta passou por unanimidade pelos parlamentares; projeto depende de sanção do prefeito

Da Redação

Foi aprovado por unanimidade, na sessão ordinária da Câmara da última terça-feira, 12, projeto de lei assinado pelos vereadores Henrique Conti e Mayr (ambos PV), que obriga os novos loteamentos e empreendimentos imobiliários que forem implantados em Valinhos a instalar iluminação pública com lâmpadas de LED. O objetivo, segundo eles, é garantir uma iluminação mais eficiente, já que essas lâmpadas duram mais e gastam menos energia.

No projeto, os vereadores afirmam que a iluminação de LED não emite radiação Infravermelha e nem Ultravioleta, o que evita danos à pele, às plantas e também a objetos ou produtos expostos, como roupas, sapatos, móveis e obras de arte. Eles ressaltam ainda que o LED não possui em sua composição metais pesados como chumbo e mercúrio, não sendo necessário, portanto, um descarte especial, como ocorre com as lâmpadas fluorescentes.

O vereador Mayr explicou que já existem parcerias para viabilizar a troca de todas as lâmpadas comuns por lâmpadas de LED nos municípios, o que, a médio prazo, gerará economia aos cofres públicos. “Existem empresas especializadas que estão procurando as prefeituras, trocando todas as lâmpadas por LED (...) Por exemplo, uma Prefeitura que gasta R$ 100 mil por mês, com a troca, vai gastar metade. Essa diferença é paga para a empresa e, então, dentro de um curto período, ela será ressarcida”, exemplificou.

O vereador Alécio Cau (PDT) também defendeu a troca gradativa de todas as lâmpadas da cidade por LED. “Seria interessante, dentro das possibilidades, que a Prefeitura já estudasse no seu cronograma,  que toda vez que uma lâmpada precisar ser trocada, já seja por LED”, afirmou.
O projeto segue agora para sanção ou veto do prefeito Orestes Previtale (PMDB).