Valinhos é a 5ª cidade da RMC em Longevidade e Escolaridade

Valinhos é a 5ª cidade da RMC em Longevidade e Escolaridade

Dados são do Índice Paulista de Responsabilidade Social (IPRS)

Entre as 20 cidades da Região Metropolitana de Campinas (RMC), a cidade de Valinhos é a quinta colocada nos indicadores de Longevidade e Escolaridade do Índice Paulista de Responsabilidade Social (IPRS), divulgado pelo SEADE. No indicador de Riqueza, Valinhos ocupa o oitavo lugar da RMC. 

Baseado nos mesmos critérios de desenvolvimento considerados pelo Índice de Desenvolvimento Humano – IDH,1 o IPRS reflete o esforço dos municípios nas dimensões riqueza, escolaridade e longevidade, incluindo indicadores que caracterizam mudanças em um prazo mais curto.

Assim, o IPRS é composto de quatro medidas: três indicadores sintéticos setoriais, que mensuram as condições do município em termos de riqueza, escolaridade e longevidade – permitindo o ordenamento dos 645 municípios do Estado segundo cada uma dessas dimensões; e uma tipologia constituída de cinco grupos, denominada grupos do IPRS, que resume a situação dos municípios segundo os três eixos considerados. São eles:
- Dinâmicos: alta taxa de Riqueza e indicadores de Longevidade e Escolaridade com taxas entre média e alta.

- Desiguais: alta taxa de riqueza com baixa e média Longevidade e alta Escolaridade ou baixa e média Escolaridade e alta Longevidade

- Equitativos: baixa taxa de Riqueza e Escolaridade e Longevidade entre média e alta

- Em transição: baixa taxa de Riqueza com baixa e média Longevidade e alta Escolaridade ou baixa e média Escolaridade e alta Longevidade

- Vulneráveis: baixas taxas de Riqueza, Escolaridade e Longevidade

Valinhos, assim como outras 14 cidades da RMC, foi classificada como município Dinâmico. As cidades de Artur Nogueira, Engenheiro Coelho, Cosmópolis e Pedreira foram classificadas como “Equitativo”. A cidade de Morungaba é a única da Região classificada como “Desigual”.

Entre os 112 municípios do Estado classificados como Dinâmicos, Valinhos ocupa a 13ª colocação no indicador de Longevidade, a 14ª em Escolaridade e a 28ª posição no indicador de Riqueza.

Evolução
O estudo também avalia a evolução dos municípios entre os anos de 2014 e 2019. No indicador Riqueza, Valinhos caiu de 45 para 46 pontos. Em Longevidade, a cidade subiu quatro pontos, indo de 72 para 79. O maior crescimento foi na taxa de Escolaridade, que foi de 59 para 69 pontos.

 

METODOLOGIA
Para classificar os municípios, o estudo avaliou 12 indicadores divididos em três dimensões: Riqueza, Longevidade e Escolaridade.

RIQUEZA
- PIB per capita (25%)
- Remuneração dos empregados formais e benefícios previdenciários (25%)
- Consumo residencial de energia elétrica (25%)
- Consumo de energia elétrica na agricultura, no comércio e nos serviços (25%)

LONGEVIDADE
- Mortalidade perinatal (30%)
- Mortalidade infantil (30%)
- Mortalidade de pessoas de 15 a 39 anos (20%)
- Mortalidade de pessoas de 60 a 69 anos (20%)

ESCOLARIDADE
Proporção de alunos da rede pública com nível adequado nas provas de Língua Portuguesa e Matemática
- No 5o ano do ensino fundamental (31%)
- No 9o ano do ensino fundamental (31%)
-  Taxa de atendimento escolar na faixa de 0 a 3 anos (19%) 
- Taxa de distorção idade -série no ensino médio (19%)
 

+ Fotos: