Novo Centro de Treinamento da GCM será entregue sexta-feira

Novo Centro de Treinamento da GCM será entregue sexta-feira

O prefeito Orestes Previtale (DEM), formalizará na manhã desta sexta-feira, dia 31, a entrega das instalações do novo Centro de Treinamento da Guarda Civil Municipal (GCM). A entrega, devido à pandemia, será restrita. O espaço fica às margens da Rodovia Dom Pedro I e será utilizado para ampliar a qualificação e aprimorar o trabalho dos agentes da Guarda.

Segundo o Secretário de Segurança Pública e Cidadania, coronel Carlos Roberto Prestes, no local serão realizados treinamentos de abordagens policiais, manutenção de ordem pública, atendimento de urgência e emergência, negociação de crises e emprego do armamento como perito responsável.

Os agentes da Guarda também treinarão técnicas de tiro tático, tiro embarcado e desembarcado, manutenção de armamento, condutas táticas policiais, deslocamento e sobrevivência em áreas de mata, técnicas de manejo de animais silvestres, reintegração de animais silvestres à natureza, entre outros.

O local conta com um estande de tiro coberto, murado e protegido para que os agentes se aperfeiçoem, já que precisam passar anualmente por treinamento de tiro para que sejam habilitados ao porte de armas de fogo.

De acordo com o secretário, o espaço é um pedido antigo da corporação, que precisava se deslocar até as instalações da GCM de Campinas e do Exército Brasileiro para realizar os treinamentos.

“Agora a Guarda de Valinhos passará a ter uma estrutura própria, com autonomia e independência, para realizar treinamentos regularmente e desenvolver ainda mais as habilidades dos agentes de segurança municipal”, explicou o secretário.

Área

O Centro tem uma área total de 50 mil metros quadrados num terreno que foi doado à Prefeitura por uma empresa, em um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC), como compensação ambiental em uma ação do Ministério Público Estadual.

Parte do terreno foi usada para as instalações físicas do Centro de Treinamento e o restante permanece para fins de preservação e educação ambiental, onde a Guarda Ambiental da GCM irá devolver à natureza os animais silvestres ilegalmente capturados ou apreendidos na cidade.

O local também será utilizado para ensinar, principalmente aos estudantes das escolas municipais, a tarefa da preservação da natureza. “As instalações do estande de tiro da Guarda são protegidas por muros e não interferirão no restante da área”, explicou o Coronel Prestes.