Comerciantes se preparam para venda de Dia dos Pais

Comerciantes se preparam para venda de Dia dos Pais

O movimento na primeira semana de comércio aberto em Valinhos começou tímido e, apesar do clima de otimismo gerado pela reabertura das lojas, a previsão da Associação Comercial e Industrial de Valinhos (ACIV) para o Dia dos Pais, uma das datas comerciais mais importantes do ano, é que haja grande redução nas vendas em relação ao ano de 2019.

De acordo com o presidente da ACIV, Emerson Ferrari, a data continua sendo importante para o comércio, principalmente neste ano impactado pela pandemia. “’As previsões apontam quedas históricas no período, Campinas em matéria que circulou no dia 27 de julho projeta uma redução de 60,9% nas vendas comparadas com o período anterior”, afirma.

Para impulsionar as vendas, Emerson ressalta que a ACIV pretende enfatizar a importância de não se perder nenhuma oportunidade, principalmente a de celebrar os pais. “Eles merecem um belo presente e essa importante data não pode passar em branco. Não devemos deixar de celebrar quem amamos, isso não pode ficar para depois”, ressalta.

O comerciante Ilzo Lando, proprietário da loja de roupas Carol Modas, vê na data uma ótima oportunidade para recuperar parte do prejuízo registrado durante os últimos meses. “A primeira semana de reabertura teve um movimento tímido, mas o fato de haver flexibilização nos deixa mais felizes e esperançosos. Nossa expectativa para as vendas é sempre otimista. Apostamos na venda de Dia dos Pais, mesmo porque são as mulheres que vem fazer as compras para os pais, maridos, namorados e geralmente não veem preços, e sim as mercadorias mais bonitas”, afirma.

Celebrado no segundo domingo do mês de agosto, o Dia dos Pais deve movimentar as ruas da cidade nos próximos dias. “Com a reabertura das lojas será mais fácil comprar os presentes. Por causa da pandemia eu comecei a fazer compras pela internet, mas pra mim nada substitui a compra presencial, onde a gente pode ir, sentir o tecido, olhar os produtos de perto, é outra coisa. Preciso escolher os presentes do meu marido, pai e sogro. Então, tomarei todos os cuidados, mas farei questão de ir às lojas do centro semana que vem”, afirma a publicitária Ana Carolina Cruz, moradora do Jardim do Lago.