Assistência entrega 1.159 cestas a famílias em extrema pobreza

Assistência entrega 1.159 cestas a famílias em extrema pobreza

Um total de 1.159 moradores inscritos no Cadastro Único em situação de extrema pobreza receberam as cestas básicas distribuídas pela Prefeitura de Valinhos por meio do programa Alimento Solidário, do Governo do Estado
Um total de 1.159 moradores inscritos no Cadastro Único em situação de extrema pobreza receberam as cestas básicas distribuídas pela Prefeitura de Valinhos por meio do programa Alimento Solidário, do Governo do Estado

A distribuição foi realizada pela Secretaria de Assistência Social entre os dias 26 de maio e esta terça-feira, dia 2. Tiveram direito a receber as cestas apenas as famílias cadastradas no CadÚnico do Governo Federal.

No total foram disponibilizadas 1.719 cestas pelo Programa. Para evitar aglomerações e risco de contágio com o coronavírus, a entrega das cestas foi escalonada de acordo com o cadastro das famílias nos Centros de Referência de Assistência Social (CRAS) de Valinhos, nos períodos da manhã e tarde, no Centro Cultural e Artístico da Terceira Idade, segundo a secretária de Assistência Social, Dulce Maria de Paula Souza.

“Nem todas as pessoas que fizemos contato para agendar a retirada das cestas compareceram neste período. Também em alguns casos não foi possível contatar as famílias que estão com cadastrados desatualizados no CadÚnico. Algumas delas que não tiveram a oportunidade de buscar as cestas a tempo estão nos procurando para reagendar a retirada”, informou a secretária.

“Caso a totalidade destas 560 cestas não sejam retiradas com brevidade, e por terem prazo de validade, as mesmas serão repassadas às famílias assistidas pela Secretaria. Diariamente recebemos pedidos de cestas por famílias carentes”, explicou Dulce.

A distribuição destas 560 cestas restantes seguirá a mesma logística montada, com programação readequada, nestes próximos dias. “Assim que este saldo de cestas do programa Alimento Solidário acabar, daremos continuidade à distribuição das cestas adquiridas especialmente pela Prefeitura para atender famílias carentes neste momento de pandemia”, acrescentou Dulce. 

A Prefeitura, por meio da Assistência Social, adquiriu 3.500 cestas básicas com alimentos e produtos de higine para o atendimento às famílias da cidade em situação de vulnerabilidade social. O objetivo da medida é atender a um grupo de moradores que está atravessando dificuldades financeiras em razão da pandemia do coronavírus.

A Secretaria de Assistência Social atende as famílias interessadas em receber o auxílio pelos telefones 3869-3790, 3859-2100 e 3869-3253. Para concessão do benefício, técnicos da Secretaria de Assistência Social fazem uma triagem e entrevistas com os interessados. A resposta para a solicitação é rápida e deve sair logo depois dessa entrevista.