Prefeito de Campinas assina autorização para licitação do Hospital da Mulher

Prefeito de Campinas assina autorização para licitação do Hospital da Mulher

O prefeito Jonas Donizette
O prefeito Jonas Donizette

O prefeito de Campinas, Jonas Donizette, assinou a autorização para a abertura da licitação da construção do Hospital da Mulher. A assinatura foi feira durante transmissão ao vivo na internet nesta terça-feira, 14 de julho.

O Hospital da Mulher vai funcionar ao lado do Ambulatório Médicos de Especialidades (AME), no Parque Itália, próximo ao Hospital Mário Gatti. “Por causa do AME, que tem equipamentos de imagem, foi possível adequar o valor da obra e tirar do papel o Hospital da Mulher”, disse o prefeito.

De acordo com o secretário de Saúde, os recursos que a Secretaria de Saúde tinha para executar o Hospital da Mulher não eram suficientes. “Com o AME, haverá ultrassom, tomógrafo, radiologia, centro cirúrgico, entre outros. Por isso, o projeto foi repensado com vários atores (Justiça Federal, Ministério Público Federal, Caixa Econômica Federal, Ministério da Saúde, Conselho da Mulher e secretarias municipais de Saúde, Infraestrutura e Assuntos Jurídicos)”, comentou o secretário de Saúde, Carmino de Souza.

Os recursos, de R$ 10 milhões, estão disponíveis no Fundo Municipal de Saúde. No entanto, a expectativa é que o investimento seja R$ 2,5 milhões menor. A obra deve ser iniciada ainda neste ano. 

A unidade vai oferecer saúde da mulher, desde atendimentos ginecológicos até psicológicos. “Foi pensado, inclusive, em ambientes para orientação sobre a questão da violência contra a mulher. O projeto foi todo repensado humanizando o original”, explicou o secretário de Saúde.