Campinas lança Plano de Ação para corredores ecológicos na RMC

Campinas lança Plano de Ação para corredores ecológicos na RMC

Prefeitura de Campinas

O prefeito de Campinas, Dário Saadi, foi o anfitrião nesta quinta-feira, dia 8, da cerimônia virtual de lançamento do Plano de Ação para Implantação da Área de Conectividade na Região Metropolitana de Campinas. Na ocasião, o prefeito assinou documentos em que reafirma o compromisso do município com o desenvolvimento sustentável e com os programas de combate às mudanças climáticas e aquecimento global.

A cerimônia virtual foi transmitida ao vivo pelo canal YouTube e contou com a participação de representantes das instituições envolvidas na elaboração do Plano de Ação, entre eles, o secretário municipal do Verde, Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável de Campinas, Rogério Menezes; o secretário-executivo do ICLEI (Governos Locais pela Sustentabilidade) na América do Sul, Rodrigo Perpétuo; representantes dos governos federal e estadual; Agência Metropolitana de Campinas (Agemcamp), embaixada da Alemanha no Brasil, prefeitos da RMC, entre outros.

Saadi ressaltou, durante o encontro, o trabalho incansável da equipe da Secretaria do Verde de Campinas em prol da sustentabilidade. “Muito honrado em sediar o início deste trabalho que consolida o esforço de Campinas e de toda a RMC no compromisso com a agenda da sustentabilidade. Com certeza terão muito sucesso”, disse.

O Plano
O Plano é um guia que apresenta os caminhos que deverão ser percorridos pelos 20 municípios da RMC na implementação da Área de Conectividade.A Secretaria do Verde, em conjunto com técnicos das secretarias ambientais dos outros 19 municípios da RMC, elaboraram um traçado regional que interliga as áreas verdes de interesse ecológico que, na maioria das vezes, estão fragmentadas. Esse traçado foi chamado de Área de Conectividade e tem por objetivo recuperar e conservar a fauna e a flora.

A RMC é a primeira região metropolitana do país a lançar uma estratégia regional para a biodiversidade de forma colaborativa entre os municípios.

O secretário do Verde, Rogério Menezes, ressalta a importância da articulação regional para a recuperação ambiental com a valorização dos serviços ecossistêmicos e em defesa da biodiversidade. “Traz entusiasmo e esperança em um momento de apreensão e dor com tantas vidas perdidas todos os dias. Que as vacinas cheguem a todos os campineiros, a toda população brasileira e que as ações na RMC possam salvar vidas também de animais silvestres, em contexto de desenvolvimento sustentável regional, prevenindo-se com isso novas epidemias".

Para Rodrigo Perpétuo, do ICLEI, o Plano de Ação destaca o papel fundamental da articulação metropolitana. “Trata-se de um instrumento inovador, que protagoniza o trabalho dos governos locais enquanto principais implementadores dos acordos internacionais de biodiversidade, além de posicionar a RMC, junto do ICLEI, na vanguarda desta trajetória”, afirma Perpétuo. “Este plano ilustra o que há de mais potente na parceria com nossos governos associados e destaca as possibilidades da cooperação internacional como alavanca para o desenvolvimento de projetos de impacto que visam cidades mais sustentáveis, resilientes e justas para todos”, disse.

 

Fonte: Prefeitura de Campínas