“Campinas de Todos os Povos” atende imigrantes e refugiados no Ceprocamp

“Campinas de Todos os Povos” atende imigrantes e refugiados no Ceprocamp

 Arquivo PMC

As orientações serão realizadas na sede do Ceprocamp, das 10h às 16h, no próximo sábado
As orientações serão realizadas na sede do Ceprocamp, das 10h às 16h, no próximo sábado

A ação “Campinas de Todos os Povos” atenderá, no próximo sábado, dia 21 de setembro, imigrantes e refugiados no Ceprocamp (Centro de Profissionalização de Campinas). Os participantes terão acesso ao cadastro para programas sociais; orientações jurídicas; confecção de currículos; oficinas de multiculturalidades, atenção básica à saúde; alimentação saudável; e divulgação de cursos. O atendimento ocorrerá entre 10h e 16h.

A ação é uma iniciativa do Serviço de Referência  ao Imigrante, Refugiado e Apátrida da Secretaria Municipal de Assistência Social, Pessoa com Deficiência e Direitos Humanos (SMASDH) com vários parceiros. A proposta é recepcionar de modo concentrado, imigrantes e refugiados, num só local e num só dia, permitindo um atendimento mais rápido e eficiente para o acesso a diversos serviços.

De acordo com o diretor do Departamento de Direitos Humanos da SMASDH, Fábio Custódio, o material de divulgação foi produzido em cinco idiomas para alcançar o maior número possível de imigrantes e refugiados.

“Estamos fazendo a divulgação do evento pelas redes sociais, nos grupos atendidos pelo nosso serviço de referência e para aqueles que são acompanhados por organizações da sociedade civil e nos Centros de Referência da Assistência Social (Cras). Queremos que a informação chegue às famílias e indivíduos - imigrantes e refugiados. O folder com a programação do evento foi redigido em português, inglês, espanhol, crioulo haitiano e francês”, detalhou.

Ainda conforme o diretor, o Serviço de Referência ao Imigrante, Refugiado e Apátrida da SMASDH, atende, diariamente, cidadãos oriundos de diversas partes do mundo que escolheram Campinas como local para recomeçar suas vidas e fornece informações e acompanhamento apropriado. Contudo, há vários meses, esse fluxo migratório tem aumentado significativamente, exigindo ações mais ampliadas de recepção dessa demanda, o que motivou a realização do “Campinas de Todos os Povos”.

Para as organizações e pessoas que tenham interesse em atuar como voluntárias junto às comunidades imigrantes e refugiadas, de Campinas e região, também haverá uma oficina de Formação de Voluntariado que contará com a apresentação das ações que já estão sendo desenvolvidas.

Para realizar esse atendimento conjunto e concentrado, o Serviço de Referência uniu esforços com vários parceiros: Flexpert Treinamentos da ONG Sietar Brasil; Casa de Cultura Haiti-Brasil (CCHB); Rede de Apoio ao Imigrante e Refugiado (RAIR); Missão Paz; Observatório das Migrações de São Paulo; Rede Humanitária da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp); Ministério Público do Trabalho (MPT) e Agência Metropolitana de Campinas (Agemcamp).

Programação
- CadÚnico: realização de cadastro para acesso aos Programas Sociais, como o Bolsa Família e o Cartão Nutrir
- Orientações para regularização da situação migratória e de documentos junto à Polícia Federal (Atualizações/Renovações, CPF, Carteira de Trabalho, e outros)
- Orientações Jurídicas e Trabalhistas
- Confecção de Currículos / Inclusão de Currículos no Banco de Currículos
- Oficina de Multiculturalidades
- Oficina sobre Alimentação Saudável
- Orientações sobre Atenção Básica à Saúde
- Divulgação de cursos
- Oficina de Formação de Voluntariado
- Exibição da 12ª Mostra de Cinema e Direitos Humanos

Serviço:
“Campinas de Todos os Povos”

Dia: 21/09
Horário: das 10h às 16h
Local: Ceprocamp
Endereço: Avenida 20 de Novembro, nº 145 (ao lado da Estação Cultura)