As minhas orações

Os meus avós maternos eram espanhóis e desde menino a minha mãe me ensinou uma oração diferente, a qual misturava um pouco de português com espanhol. No início eu rezava com ela até aprender e assim fui crescendo e continuei a rezar todas as noites antes de dormir. Quando rezo à Deus além dessa oração meio-espanhola rezo algumas Ave-Marias e Pai-Nossos. Antes eu ainda improvisava pensamentos oratórios agradecendo pela minha vida e outras coisas mais, mas um dia descobri uma certa realidade que me chocou e parei com estas improvisações nas minhas orações.

Eu não parei devido a alguns conceitos escolares serem revisados exemplo, a fotossíntese só se daria com a presença da luz, depois descobriram plantas no escuro fundo do mar e provaram que ela pode se dar quimicamente também. Não parei porque nos livros da época exibiam os planetas, Terra, Plutão, Netuno, Urano, Marte, Saturno, Júpiter, Mercúrio, Vênus e depois descobriram mais uma infinidade deles desconsiderando até Plutão como planeta pelo seu pequeno tamanho.

Também não parei por terem dito que países populosos como China, Índia e os tropicais como o Brasil, estariam fadados ao eterno subdesenvolvimento, pois seria difícil incrementar a melhoria de vida a toda essa população carente. Ledo engano, estavam errados, a sigla BRICS que engloba o Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul, são países emergentes em franco desenvolvimento, caminhando para o 1.° mundo, sendo considerado agora os países com os maiores potenciais de consumo e crescimento.

Com todos esses avanços da ciência em quase todos os setores da vida e mudanças de conceitos de uma hora para outra em muitas outras coisas, a minha fé em Deus não diminuiu ao contrário ela até aumentou. Até então tudo era mais que perfeito no plano desse mundo cósmico e místico. Nos meus improvisados pensamentos oratórios, eu me comparava a um grão de areia nessa imensidão cósmica e sempre achei que era muito modesto, de bom tamanho.

Até que um dia recebi o e-mail “O Tamanho do Mundo”, comparando a Terra com os demais planetas e estrelas. A Terra tem uma massa 318 vezes menor do que Júpiter. Quando a Terra é comparada às estrelas Sirius, Pollux, Arcturus, Rigel e Aldebaram, ela não é visível nessa escala. O Sol é 1.000 vezes maior que a Terra e quando é comparado com as estrelas Betelgeuse e Antares ele desaparece nessa escala. A estrela Antares é a 15.ª mais brilhante do céu e está a 1.000 anos luz da Terra.

Depois que cambaleei fisicamente e até com os meus pensamentos nesse choque de realidade, soube o quanto pretensioso eu fui nas minhas orações, comparativamente não sou esse grão de areia que eu imaginava ser, a Terra toda é que é, se é que é. Descobri que não tenho inteligência capaz de dimensionar nem o meu tamanho frente a esse Universo criado por Deus. Foi daí que tomei a mínima decisão, para tentar não errar mais de agora em diante ficarei só nas Ave-Marias e nos Pai-Nossos e que Deus me perdoe por esse pecado do meu tamanho, amém.