Covida busca parceiros para conseguir alimentar cerca de 500 famílias por mês

Covida busca parceiros para conseguir alimentar cerca de 500 famílias por mês

Parcerias consistem em campanhas individualizadas, que podem ser feitas por empresas, colégios, condomínios ou outras instituições
Parcerias consistem em campanhas individualizadas, que podem ser feitas por empresas, colégios, condomínios ou outras instituições

O Grupo Covida (Cooperação à Vida com Amor) está lançando a campanha “Uma boa ação se faz com bons parceiros” para aumentar as doações de alimentos e produtos de higiene para as cerca de 500 famílias assistidas mensalmente. Pela campanha, empresas, colégios, condomínios e instituições que se mobilizarem para fazer doações mais significativas receberão um selo de parceria, como reconhecimento pela iniciativa. Este selo pode ser utilizado pelo doador e também será divulgado nas redes sociais do grupo.

“Desde o início da pandemia, estamos ajudando muitas famílias de bairros carentes de Valinhos. Em alguns meses, as doações são melhores. Em outros, nem tanto. Como são produtos que precisam ser repostos mensalmente, é um trabalho que nunca acaba”, destaca a coordenadora do Covida, Sandra Rossi Giraldello. “Quando as doações diminuem, somos obrigados a priorizar, dentro de um grupo que já é prioridade, as famílias que estão em uma situação ainda mais delicada”, completa. “Isso, para nós, é muito triste porque essas famílias acabam não tendo o que comer”, comenta.

Para participar da campanha, é necessário fazer uma doação em volume maior, mas sem uma quantidade mínima. “Nós não estabelecemos um mínimo porque cada um tem uma realidade diferente. Por exemplo, uma empresa com dois mil funcionários muito provavelmente conseguirá doar mais do que uma escola com 50 alunos. Para nós, o importante é ver que houve uma mobilização para que fosse doado o máximo possível dentro de cada situação”, explica Sandra.

De acordo com ela, essa mobilização pode ser feita de maneira simples. “Nossa sugestão é que o parceiro faça uma divulgação interna da campanha, pedindo doações de alimentos e produtos de higiene, que devem ser levados ao local até uma determinada data. Ao fim do prazo, o parceiro entra em contato com a gente para combinar a entrega ou retirada. Nós faremos a montagem das cestas e a entrega às famílias”, orienta. “O ideal é que esses parceiros realizem a campanha mensalmente, assim, conseguiremos contar com mais doações e atender mais famílias. Mas, claro, uma doação pontual já é muito importante para nós”, comenta Sandra. Após a entrega das doações, a instituição recebe um selo de parceria, em formato virtual, como reconhecimento da ação. O selo pode ser usado em site, redes sociais ou impresso.

É possível doar qualquer tipo de alimento não perecível, além de produtos de higiene pessoal e para a casa. Para este mês, o Covida ainda precisa dos seguintes itens para montar mais 100 cestas: óleo, pó de café, sardinha ou pacote de linguiça 400 gramas e molho de tomate.

Quem quiser participar da campanha, pode entrar em contato diretamente com a Sandra, no telefone (19) 99633-5615.

A maioria das famílias atendidas está nos bairros Parque Portugal, Figueiras, Palmares 1 e 2, São Bento, São Marcos, Macuco, Capivari, Saltinho e Centenário. “Nós vamos atrás de quem tem fome”, garante.

Doação individual

As doações individuais continuam sendo recebidas pelo grupo na sede do Clube de Mães, que fica na Rua Antonio Carlos, 168, no Centro – ao lado dos Correios.

Também é possível doar adquirindo uma ou mais cestas básicas no Flex Atacarejo, no valor de R$ 80,00 cada. Para isso, basta ir pessoalmente ou entrar em contato pelo WhatsApp (19) 97403-4513 (com Arlete). Na hora da compra, é necessário informar que é para o Covida e fazer a transferência bancária para a conta que será fornecida. Se preferir comprar pessoalmente, a pessoa deve se dirigir ao balcão do atendimento ao cliente e também procurar pela Arlete, que dará sequência ao procedimento. A cesta é composta por produtos não perecíveis, leite e linguiça calabresa.

Informações à Imprensa:
Capovilla Comunicação
Patrícia Capovilla
(19) 99294-1970