Colaboradores deixam a Casa da Criança de Valinhos mais colorida

Colaboradores deixam a Casa da Criança de Valinhos mais colorida

Casa da Criança

Os colaboradores da Casa da Criança de Valinhos decidiram revitalizar todas as áreas de uso das crianças e adolescentes pintando as paredes e mobiliário com as tintas Coral, doadas no ano passado. Ao idealizar a pintura, os educadores, a supervisora e o motorista da Casa pensaram em como iniciar o trabalho, sem interferir na rotina das crianças. Assim elaboraram um plano, com cronograma e etapas cumpridas por cada um.

Neste processo, o envolvimento dos acolhidos foi considerado fundamental para aprovarem até a escolha das cores e tons a serem trabalhados, assim como a logística para não prejudicá-los em nada, pois alguns são asmáticos e alérgicos, como conta a supervisora dos educadores, Ana Lúcia Freitas Cruz.

“Cada etapa do projeto de pintura do acolhimento foi pensada para que as crianças sentissem que se tratava de mais um carinho, um cuidado para com elas também. Elas participaram escolhendo as cores, na preparação de algum detalhe e na finalização, com a decoração final dos ambientes. Eles permaneceram em outros cômodos até a conclusão da pintura do local. Ficaram ansiosos, principalmente para ver como ficariam os quartos. A aprovação e animação foi muito gratificante para todos. Este trabalho foi altamente motivador e uniu ainda mais a nossa equipe. Todos de uma forma especial puderam contribuir para este resultado tão positivo”, conta Ana Lúcia.

O projeto de pintura do acolhimento foi iniciado em dezembro para que pudessem usufruir de uma melhor decoração natalina nas salas de uso comum. Assim prepararam as paredes com antecedência e depois realizam a pintura nos tons de bege. Já os quartos foram ser pintados neste ano, cada dormitório recebeu uma cor previamente acordada com os acolhidos nos tons claros de azul, verde, lilás e amarelo. No decorrer da pintura identificaram a necessidade de revitalizar também alguns móveis como beliches, mesas de apoio, cômodas, portas, prateleiras e até quadros. Outras áreas, como jardim interno e corredores, também receberam mãos de tinta.

Para Marlene Santana, educadora do acolhimento, participar desta ação envolve emoção e comprometimento para com todos. “Acredito que aqui seja diferente do mundo corporativo, sentimos que podemos fazer parte da vida das crianças com gestos de cuidados até com o ambiente em que convivemos. Ficamos tão empolgados para deixar a Casa ainda mais bonita para os acolhidos e consequentemente para nós, colaboradores, que vivemos aqui com eles boa parte do tempo, festejamos juntos Natal, Ano Novo, aniversários e muitas datas importantes. Assim, sentimos que a instituição é o nosso segundo lar, somos como uma família mesmo. As crianças se sentiram valorizadas e amparadas com o nosso carinho, presente em cada detalhe, foi um presente, uma conquista de todos”.

O próximo projeto do acolhimento da Casa da Criança de Valinhos contemplará a instalação de uma horta suspensa ou vertical no quintal da instituição para que todos possam plantar e colher verduras, legumes e frutas. Os interessados em apoiar os projetos da Casa da Criança de Valinhos devem ligar 19 3871-0546 ou acessar o site casadacriancadevalinhos.org.br.