Ser pai acima de tudo - Conheça a história de Leandro e Adrian

Ser pai acima de tudo - Conheça a história de Leandro e Adrian

Leandro César da Silva tem 42 anos e seu filho Adrian
Leandro César da Silva tem 42 anos e seu filho Adrian

Leandro César da Silva tem 42 anos. É profissional autônomo da área de alimentos, valinhense, batalhador, corintiano roxo... mas acima de tudo, Leandro é pai. Há 15 anos, seu dia a dia é dedicado aos cuidados com o filho Adrian Vinícius Braga. Quando juntos, o sorriso estampado no rosto dos dois é sempre tão contagiante que garante aos que vivem ao redor uma única certeza: todos os desafios enfrentados por Leandro valem a pena!

Adrian nasceu em 5 de agosto de 2005 com paralisia cerebral e hidrocefalia. Filho de pais separados, o garoto passou os primeiros anos de vida com uma rotina que se alternava entre a casa do pai, e da mãe. Porém, perto de completar seis anos, foi deixado pela mãe biológica aos cuidados de Leandro. “A partir daí ele ficou só comigo e eu faço de tudo pra nunca deixar faltar nada pra ele. Já tive que abrir mão de trabalho pra poder cuidar dele, mas essa é minha missão. Eu fui escolhido pra cuidar do Adrian e ele é a luz da minha vida”, afirma o pai.

A rotina não é fácil, mas é seguida por Leandro com muito amor. Ele conta que o filho tem horário para acordar, sempre às 7h. Assim que abre os olhos, o primeiro ato se repete diariamente: chamar pelo pai. “O Adrian me chama, eu vou até o quarto, ele me abraça e eu deito um pouco lá. Aí dormimos mais uns 15, às vezes 20 minutos. Em seguida ele me pede para ir para a sala ver desenho. Então, eu troco ele, troco a fralda e dou os remédios, dou o leite e faço café da manhã. A noite também coloco ele para dormir, passo remédio nas pernas, faço massagem, tudo para ele se sentir melhor”.

Leandro ressalta que, apesar de contar com o apoio incondicional da atual esposa com os cuidados com o filho, ele faz questão de tomar para si alguns detalhes da rotina. “Essa parte de dar remédio, por exemplo, sou sempre eu que faço. Não gosto de deixar pra ninguém fazer Não por nada, porque a Juliana (esposa) cuida muito bem dele, com muito amor, é uma verdadeira mãe mesmo, mas o Adrian e eu temos uma ligação muito forte e eu faço questão de cuidar dele bem de perto”.

Quanto aos desafios enfrentados pelo caminho, Leandro conta que foram muitos. “Já enfrentamos muitas dificuldades juntos, muitas mesmo, chegamos até a passar fome. Mas nunca desisti, nunca desanimei. Não é fácil ser pai, mas também não é difícil. Eu amo meu filho, eu nasci para ele e ele nasceu pra mim. Tenho orgulho de dizer que ele é meu filho. Às vezes a gente desanima de um lado, mas a hora que eu acordo e vejo aquele sorriso bonito, não há nada que consiga me alegrar mais, não tem coisa mais bonita de ver”.

Sobre o que deseja passar para o filho, ele responde: “o que eu quero é ser um exemplo para ele. Não tenho dinheiro, não tenho nada. Mas o que a gente tem é amor um pelo outro e quero que ele saiba sempre que não há nada no mundo mais valioso que esse amor no mundo todo”. 

+ Fotos: