A lei espiritual da semeadura e da colheita

A lei espiritual da semeadura e da colheita

Coluna Momentos

por pastor Rui Mendes Faria

Querido leitor, na semana passada falei da lei da semeadura e da colheita. Vimos que em nossos relacionamentos, colhemos o fruto conforme a espécie de semente que plantamos. Se plantamos conflitos, colhemos discórdia.

Hoje, vou demonstrar que essa regra também se aplica no mundo espiritual. A Bíblia diz que aquele que planta pensando no aqui e agora e só busca os prazeres da carne, colherá tormento e dor eterna, mas o que se esforça em plantar pensando na eternidade, colherá vida e paz. Jesus disse que Ele é o único caminho que leva ao Pai e se não andarmos de mãos dadas com Ele, estaremos fadados a passar a eternidade longe de Deus. Isso não é terrível?

Creio que você já entendeu que a semente para a salvação, deve ser plantada antes de morrermos. Em 1João 3.9, lemos que a semente de Deus está dentro de nós: "Todo aquele que é nascido de Deus não vive na prática de pecado, pois o que permanece nele é a divina semente. Esse não pode viver pecando, porque é nascido de Deus."

Quando regamos essa semente, ela cresce dentro de nós e dá frutos que nos permitem viver com a certeza, a segurança e a garantia da salvação. Como consequência, servimos ao Reino de Deus com a alegria de saber que pertencemos ao Senhor e com Ele viveremos por toda a eternidade.

Uma semana de bom plantio no Senhor.