Mais de 863 mil alunos da rede estadual de SP farão as provas do Saeb 2019

Mais de 863 mil alunos da rede estadual de SP farão as provas do Saeb 2019

Avaliação do governo federal compõe o principal indicador de educação do país e ajuda a guiar políticas públicas

Mais de 863 mil alunos da rede estadual de São Paulo farão as provas do Sistema de Avaliação da Educação Básica (Saeb) entre os dias 21 de outubro e 1º de novembro. A aplicação é feita pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), por meio da Fundação Cesgranrio.

A Cesgranrio é responsável por agendar os exames nas escolas durante este período, de forma que não atrapalhe o cronograma pedagógico. É imprescindível que os alunos participem das avaliações para que os resultados finais revelem o cenário real da aprendizagem.

Todos os alunos matriculados nos 5º e 9º anos do Ensino Fundamental e 3ª séries do Ensino Médio das escolas públicas farão as provas de Língua Portuguesa e Matemática.

A aplicação para os alunos das 2ª séries do Ensino Fundamental será amostral, ou seja, apenas uma parcela dos estudantes vai ser selecionada para as avaliações de Língua Portuguesa e Matemática.

Assim como para as provas de Ciências da Natureza e Ciências Humanas cuja aplicação também será amostral para os alunos dos 9º anos do Ensino Fundamental.

Resultados compõem Ideb

O Saeb é o sistema de avaliação nacional do Inep e substitui a chamada Prova Brasil. Seu resultado compõe o Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb), o principal indicador de educação pública do Brasil.

Os resultados da avaliação ajudam a retratar a realidade da educação de cada escola, município e estado. Dessa forma, contribui, ainda, para direcionar a destinação de recursos e a implementação de políticas públicas.

Além dos testes cognitivos para cada área do conhecimento e componente curricular, os estudantes também respondem a questionários que traçam o perfil socioeconômico e cultural dos alunos e suas famílias.