Lufthansa tem prejuízo de € 2,12 bilhões no 1º tri e inicia reestruturação

Lufthansa tem prejuízo de € 2,12 bilhões no 1º tri e inicia reestruturação

Frankfurt

A Deutsche Lufthansa AG divulgou nesta quarta-feira, 3, prejuízo líquido de 2,12 bilhões de euros (US$ 2,37 bilhões) no primeiro trimestre e disse que planeja uma profunda reestruturação, uma vez que a pandemia de coronavírus e as restrições relacionadas a viagens atingem suas fortemente suas operações. Já a receita da companhia caiu 18% na comparação anual, para 6,44 bilhões de euros.

A reestruturação inclui medidas na Austrian Airlines e Brussels Airlines, em que reduzirá o número de funcionários em 25% e poderá incluir a venda de unidades de negócios não essenciais.

A empresa espera que a demanda global por voos aumente apenas lentamente e prevê que 300 de suas 763 aeronaves fiquem sem utilização em 2021 e 200 delas em 2022.