Comissão Europeia avança para disponibilizar € 11,5 bi para recuperação da crise

Comissão Europeia avança para disponibilizar € 11,5 bi para recuperação da crise

São Paulo

A Comissão Europeia aprovou nesta quarta-feira, 3, modificações em seu orçamento para 2020 para disponibilizar 11,5 bilhões de euros para a recuperação econômica já em 2020. "Uma vez disponíveis, os fundos irão ajudar as regiões em mais necessidade, apoiar as empresas e aqueles em necessidade fora das fronteiras da UE", diz a nota da União Europeia.

Comissário da UE encarregado do Orçamento, Johannes Hahn enfatizou a necessidade de que o dinheiro chegue logo às empresas e às pessoas, ainda neste ano.

A proposta é um desenrolar técnico do plano de recuperação colocado em prática na semana passada pela Comissão Europeia, segundo o comunicado, o qual recorda que as medidas precisarão da aprovação de todos os países-membros da UE.

Para lidar com o período até a ratificação do estímulo já anunciado (de 750 bilhões de euros), a Comissão Europeia propôs na semana passada ajustar o atual orçamento de longo prazo entre 2014 e 2020, a fim de permitir mais gastos ainda no ano atual, diante da crise causada pela pandemia de coronavírus.