Após título, Djokovic mantém larga vantagem na ponta da ATP; Halep vira número 4

Após título, Djokovic mantém larga vantagem na ponta da ATP; Halep vira número 4

Londres

A conquista do penta em Wimbledon, o terceiro Grand Slam da temporada, manteve o domínio do sérvio Novak Djokovic no ranking da ATP. O número 1 do mundo repetiu o resultado do ano passado e segue com mais de quatro mil pontos à frente do espanhol Rafael Nadal (12.145 contra 7.945), que também fez a mesma campanha de 2018 na grama de Londres ao cair nas semifinais, na atualização da lista feita pela entidade nesta segunda-feira.

Quem ganhou pontos foi o suíço Roger Federer, derrotado por Djokovic na decisão. O atual número 3 do mundo havia parado nas quartas de final de Wimbledon em 2018 e saiu dos 6.620 pontos para os atuais 7.460, encostando de vez em Nadal. São menos de 500 para o espanhol, o que faz a briga pelo segundo lugar do ranking ficar acirrada para os próximos torneios da temporada.

Eliminado logo na estreia em Wimbledon, o austríaco Dominic Thiem continua na quarta colocação seguido pelo alemão Alexander Zverev, que teve sorte ao não ser ultrapassado pelo grego Stefanos Tsitsipas, na mesma sexta posição de antes do Grand Slam britânico.

Derrotado por Federer nas quartas de final, o japonês Kei Nishikori repetiu a campanha do ano passado e segue em sétimo. As outras três posições do Top 10 acabaram mudando. Karen Khachanov e Fabio Fognini ganharam uma colocação cada, com o russo aparecendo no oitavo lugar e o italiano em nono. Fechando a lista aparece o russo Daniil Medvedev, que ganhou três postos.

Semifinalista, o espanhol Roberto Bautista Agut ganhou nove colocações e subiu para o 13.º lugar. Destaques também para as ascensões dos norte-americanos Sam Querrey (agora na 39.ª posição) e Tennys Sandgren (em 72.º), ambos ganhando mais de 20 colocações.

Entre os brasileiros, o País volta a ter um tenista no Top 100. O cearense Thiago Monteiro aproveitou muito bem as duas últimas semanas e ganhou 25 colocações que o levaram a aparecer na 88.ª posição na lista desta segunda-feira. Na primeira, somou 35 pontos por furar o qualifying de Wimbledon e parar na primeira rodada. Na seguinte, foi campeão do Challenger de Braunschweig, na Alemanha.

FEMININO - O título em Londres rendeu bons frutos para Simona Halep na atualização do ranking da WTA nesta segunda-feira. Primeira romena a ser campeã de Wimbledon, a tenista subiu da sétima para a quarta colocação, bem próxima da checa Karolina Pliskova, em terceiro, e da japonesa Naomi Osaka, a segunda. São 122 pontos de desvantagem para a representante da República Checa, e 324 para a do Japão. A liderança segue com a australiana Ashleigh Barty.

Vice-campeã, Serena Williams ganhou uma posição e agora aparece na nona colocação. Também ganharam terreno dentro do Top 10 a ucraniana Elina Svitolina (sétima), a também norte-americana Sloane Stephens (oitava) e a bielo-russa Aryna Sabalenka (10.ª) - todas melhorando um posto em relação ao último ranking. Em contrapartida, a alemã Angelique Kerber, campeã do ano passado em Wimbledon, despencou - perdeu oito lugares e ocupa agora a 13.ª colocação.

Assim como Thiago Monteiro na ATP, Beatriz Haddad Maia fez o Brasil voltar a ter uma Top 100. A tenista paulista ficou 13 meses fora da faixa das 100 melhores do mundo, mas com sua campanha em Wimbledon, furando o qualifying e vencendo um jogo na chave principal, ganhou 25 lugares e saltou para o atual 96.º posto.

Confira o ranking da ATP:

1.º - Novak Djokovic (SER) - 12.415 pontos
2.º - Rafael Nadal (ESP) - 7.945
3.º - Roger Federer (SUI) - 7.460
4.º - Dominic Thiem (AUT) - 4.595
5.º - Alexander Zverev (ALE) - 4.325
6.º - Stefanos Tsitsipas (GRE) - 4.045
7.º - Kei Nishikori (JAP) - 4.040
8.º - Karen Khachanov (RUS) - 2.890
9.º - Fabio Fognini (ITA) - 2.785
10.º - Daniil Medvedev (RUS) - 2.625
11.º - Kevin Anderson (AFS) - 2.500
12.º - Juan Martín Del Potro (ARG) - 2.380
13.º - Roberto Bautista Agut (ESP) - 2.320
14.º - Borna Coric (CRO) - 2.195
15.º - John Isner (EUA) - 2.040
16.º - Nikoloz Basilashvili (GEO) - 1.995
17.º - Marin Cilic (CRO) - 1.940
18.º - David Goffin (BEL) - 1.860
19.º - Gael Monfils (FRA) - 1.815
20.º - Matteo Berrettini (ITA) - 1.800
88.º - Thiago Monteiro (BRA) - 624
210.º - Rogério Dutra Silva (BRA) - 232
266.º - Thomaz Bellucci (BRA) - 165
267.º - João Menezes (BRA) - 164

Confira o ranking da WTA:

1.ª - Ashleigh Barty (AUS) - 6.605 pontos
2.ª - Naomi Osaka (JAP) - 6.257
3.ª - Karolina Pliskova (RCH) - 6.055
4.ª - Simona Halep (ROM) - 5.933
5.ª - Kiki Bertens (HOL) - 5.130
6.ª - Petra Kvitova (RCH) - 4.785
7.ª - Elina Svitolina (UCR) - 4.638
8.ª - Sloane Stephens (EUA) - 3.802
9.ª - Serena Williams (EUA) - 3.411
10.ª - Aryna Sabalenka (BIE) - 3.365
11.ª - Anastasija Sevastova (LET) - 3.356
12.ª - Belinda Bencic (SUI) - 2.963
13.ª - Angelique Kerber (ALE) - 2.875
14.ª - Qiang Wang (CHN) - 2.872
15.ª - Johanna Konta (ING) - 2.790
16.ª - Marketa Vondrousova (RCH) - 2.762
17.ª - Madison Keys (EUA) - 2.555
18.ª - Caroline Wozniacki (DIN) - 2.478
19.ª - Anett Kontaveit (EST) - 2.335
20.ª - Petra Martic (SER) - 2.335
96.ª - Beatriz Haddad Maia (BRA) - 641
298.ª - Gabriela Cé (BRA) - 161
335.ª - Carolina Meligeni Alves (BRA) - 134
364.ª - Paula Cristina Gonçalves (BRA) - 114