Turismo prepara retomada pós-pandemia

Turismo prepara retomada pós-pandemia

Valinhos se prepara para a retomada do Turismo após um longo e desafiador período em que a Pandemia do Coronavírus afetou diretamente o setor. No Brasil o Turismo é responsável por 3,7% do PIB (Produto Interno Bruto) e de acordo com a Confederação Nacional de Comércio, Serviços, Bens e Turismo (CNC), o setor acumulou perdas de R$ 87,7 bilhões em apenas três meses.

Mônica Santos, presidente da Associação de Guias e Monitores de Turismo Amigos do Vali, ressalta a importância de se atualizar sobre as novas tendências do turismo pós-pandemia. “Usamos essa paralisação para nos reciclar, participar de cursos e eventos online, e voltar com novidades. É muito importante acompanhar o novo cenário do turismo, pois a nova tendência são os roteiros regionais e Valinhos possui vários atrativos prontos para receber essa nova demanda”, explica.

Nesse período a Associação desenvolveu parceria com o Festival de Agroecologia e Ecoturismo do Leste Paulista, incentivou novos empreendimentos, participou do Projeto de Regionalização do Circuito das Frutas e fez parceria com Sebrae para realizar planejamento estratégico e parceria com empresas de venda de roteiros para atrair mais clientes para a cidade. “A Associação está atualizando os roteiros com novos dados, pois devido à pandemia muitos restaurantes e atrativos fecharam e alguns atrativos têm nova capacidade de atendimento”, afirma.

Mônica, que também é turismóloga e guia de turismo, destaca os planos futuros para ampliar ações da Associação, valorizar a cidade e reestruturar o turismo. “Vamos trabalhar com o turismo pedagógico para ensinar crianças e jovens à importância da preservação do meio ambiente. Vamos fazer um projeto de conscientização sobre atrativos existentes no município e a importância do turismo sustentável. Vamos trazer cursos de monitores ambientais para poder compor nossa equipe e também gerar emprego para pessoas que moram em seu entorno”.

Mônica compartilha a intenção de explorar todo o potencial que o turismo pode oferecer.   “Vamos trabalhar com roteiros regionais e oferecer para o mercado turístico roteiro de mais de um dia para que o turista possa permanecer por mais dias no município e utilizar todo o trade: comércio, hotelaria, atrativos, restaurantes e serviços”, conclui.