Grupo de Escoteiros celebra 25 anos de história em Valinhos

Grupo de Escoteiros celebra 25 anos de história em Valinhos

Presidente Robson Moreira fala sobre desafios e conquistas  da trajetória
Presidente Robson Moreira fala sobre desafios e conquistas da trajetória

Fundado em outubro de 1994, o Grupo Escoteiros Valinhos comemorou 25 anos de história no último dia 16.  Para comemorar a data, mais de 280 pessoas se reuniram na Fazenda Santo Antônio da Cachoeira no último domingo, dia 13, durante o tradicional Enduro de Regularidade.“São 25 anos de muitas lutas, batalhas, derrotas e vitorias, mas com certeza foram 25 anos pensando sempre no que podemos oferecer de melhor para os jovens da cidade e do entorno, que venham mais 5, 10, 15, 50 anos de Grupo Escoteiro Valinhos e que o escotismo chegue a cada vez mais pessoas”, afirmou o Diretor Presidente do GE Valinhos, Robson Moreira.

Enquanto o Grupo comemora 25 anos desde a sua fundação, Robson comemora 22 anos de história como escoteiro. “Eu comecei no escoteiro em fevereiro de 1997. Um primo me levou para conhecer e de lá para cá eu nunca saí do movimento. Nesses 22 anos de grupo eu passei por todos os ramos: lobinho, escoteiro, sênior, pioneiro e auto como voluntário há 10 anos. Este ano assumi a presidência do Grupo no início de 2019 para uma gestão de 2 Anos”, contou Robson.

Nesse período, Robson revela que teve a oportunidade de participar de diversos acampamentos, incluindo eventos internacionais. “Pude alcançar o grau máximo dentro dos Ramo Lobinho e Sênior, e no último domingo durante as comemorações alcancei o grau máximo como adulto voluntário”, ressaltou.

Sobre os momentos mais marcantes dessa trajetória, ele responde: “Foram muitos importantes na minha história dentro do movimento. Mas posso elencar três: meu primeiro Acampamento Intencional como jovem em Foz do Iguaçu em 2001; estar em um acampamento mundial em 2017 na Inglaterra berço do escotismo acompanhado dos jovens do nosso grupo no dia em que o movimento completava 110 anos de fundação e o último domingo, quando recebi minha Insígnia da Madeira - Grau Máximo como adulto voluntário, no dia da comemoração de 25 Anos de fundação do Grupo Escoteiro Valinhos”, disse.

Ainda de acordo com Robson, Valinhos conta hoje com dois Grupos Escoteiros, o Valinhos e o Azimute. “No total, atendemos cerca de 200 jovens com a ajuda de aproximadamente 50 adultos voluntários”.
 

Desafios e conquistas
Robson ressalta que os principais desafios que o grupo escoteiro enfrentou durante toda sua trajetória foi em relação ao local para realizar atividades. “No início, nossas atividades eram no Parque da Festa do Figo, depois fomos para o Recanto dos Velhinhos, até que ganhamos da Prefeitura um terreno para construir nossa sede própria. Mudanças de local para realização de atividades impactam diretamente no jovem que já se identificou com o espaço, e nós voluntários temos que trabalhar para manter a qualidade do escotismo entregue a esses jovens, independentemente de onde elas são realizadas”.

E as conquistas? “Sem dúvida são os jovens que entregamos para sociedade. A grande conquista para o movimento escoteiro é ver que jovens e crianças que passaram por aqui, hoje são cidadãos de bem, que continuam atuando na sociedade para um futuro melhor através das profissões e carreiras que escolheram”, garantiu Robson.

Podem se tornar escoteiras crianças a partir dos seis anos e meio.  “O escotismo é uma grande aventura, onde a criança vai viver em contato com a natureza, aprender a trabalhar em equipe, conviver com diversas situações desafiadoras e de aprendizagem que vai levar para o resto de sua vida”, finalizou Robson.

Para ingressar no movimento, os pais devem procurar os grupos aos sábados das 14h às 17h nos seguintes endereços:

Grupo Escoteiro Valinhos
Av. Joaquim Alves Correa 3839 – Sto Antonio

Grupo Escoteiro Azimute
R. Horácio Sales Cunha, 200 - Jardim Pinheiros


 

+ Fotos: