Proerd 2019 tem início na EMEB Profª Marli Aparecida Borelli

Proerd 2019 tem início na EMEB Profª Marli Aparecida Borelli

Prefeitura de Valinhos

A primeira aula do Programa Educacional de Resistência às Drogas e à Violência (Proerd) 2019, promovido pela PM em parceria com a Secretaria de Educação de Valinhos,  aconteceu  na  manhã da quinta-feira (7). Os alunos do 5º ano A e B da Escola Municipal de Educação Básica (EMEB) Professora Marli Bazetto receberam o Cabo PM Emerson Afanaci para dialogar sobre o tema.

O cabo Emerson foi designado pela capitã Lucimara Godoy Vilas Boas, comandante da 4ª Companhia da Polícia Militar, para atuar em Valinhos dentro da nova estratégia para aplicação do programa. Ele trabalhou por onze anos aplicando o programa na cidade de Vinhedo.

Com didática e desenvoltura e diante de uma plateia atenciosa e cheia de perguntas, o policia falou sobre regras e ministrou a primeira das dez aulas do curso aos alunos. “Eu me identifico com o programa que tem caráter social”, disse.

Segundo o cabo Emerson, após onze anos trabalhando com essas crianças é possível colher frutos. “Alguns meninos e meninas que receberam as orientações estão na casa dos vinte anos e agradecem pelo que receberam”, disse.

Na primeira aula, os alunos ganharam uma apostila que contém as dez aulas e uma das primeiras orientações é que eles a levem para casa e mostrem aos seus pais, para que eles possam ter contato com todo o conteúdo que será aplicado. “Os pais têm papel importante nesse processo e também precisam conhecer o programa”, disse o policial.

Nas aulas, os alunos tomam conhecimento dos “combinados do Proerd”, para que todos possam tirar o melhor proveito do Programa. Entre esses combinados está a atitude positiva, responsável e respeitosa de cada aluno em sala, levantar a mão para falar e atentar-se ao sinal de silêncio.

Proerd

O Proerd trata dos efeitos prejudiciais que as drogas podem causar, tanto as lícitas quanto as ilícitas. Durante as aulas, os alunos conhecem e praticam o Modelo de Tomada de Decisão e trabalham também a autoestima.

Na quinta-feira, a cada nova informação passada, as mãozinhas levantavam e os comentários e perguntas demonstravam o interesse dos alunos às orientações. “Nosso objetivo através desse processo é tornar essas crianças pessoas responsáveis no futuro”, comentou o policial.

A aula marcou efetivamente a retomada do Proerd nas escolas municipais. De acordo com o secretário de Educação, o professor Zeno Ruedell,  serão atendidos neste primeiro semestre os alunos dos 5ºs anos das EMEBs Profª Marli Ap. Borelli Bazetto, Parque Portugal; Antônio Perseghetti, Ponte Alta; Pref. Jerônymo Alves Corrêa, Jardim do Lago, Cecília Meireles, Jardim Paraiso; e Jorge Bierrenbach de Castro, no Parque das Colinas.

“Tivemos mais escolas que queriam aderir ao programa, mas neste primeiro semestre iremos atender às cinco unidades. No segundo semestre, iremos promover uma nova avaliação para atendimento das demais unidades educacionais”, explicou o professor Zeno.

Proteção

A retomada do Proerd logo no início do ano letivo de 2019 foi um pedido do prefeito Orestes Previtale para proteger os estudantes do Município. “Essa parceria com a PM para a aplicação desse reconhecido programa é muito importante para mobilizar alunos e suas famílias sobre esse tema que precisa ser debatido”, disse o prefeito.

O prefeito Orestes Previtale disse que a família e a escola são fundamentais no processo de conscientização e prevenção. “Não podemos permitir que nossas crianças sejam vítimas de qualquer tipo de violência. Precisamos utilizar todos os recursos possíveis, sobretudo a educação, para garantir que essas crianças sejam orientadas e atendidas nas suas necessidades”, afirmou.

 

Da redação