MMulheres chegam a 51,59% do eleitorado valinhense

MMulheres chegam a 51,59% do eleitorado valinhense

Informações levantadas pela Folha de Valinhos junto ao Tribunal Regional Eleitoral – TRE-SP, mostram que a mulher valinhense é hoje, mioria no contingente do eleitorado apto à votar neste domingo dia 7 de outubro. Do total de 89.688 eleitores, 51,59% são mulheres, ou 46.268 eleitoras. Os homens somam 43.399, ou 48,39% dos eleitores.

São as mulheres também as que tem melhor grau de instrução. Do total de eleitoras, 11.790 tem ensino médio completo, ou 25,48%  do total. Já entre os homens esse percentual é de 22,62%, ou 9.819. O número de mulheres com o ensino superior completo chega a 6.659, ou 14,17% do seu eleitorado. Entre o eleitorado masculino esse percentual chega a 11,94% do total, ou 5.183 eleitores.

Já as mulheres com ensino médio incompleto somam 7.815,ou 16,89% do grupo de eleitoras. São 2.771 mulheres do grupo de eleitoras com núvel superior incompleto, ou  5.98%.  Já os homens com ensino médio incompleto chegam a 9.503 ou 21,89%. Com ensino superior incompleto eles somam 2.346, 5,40%.

Faixa etária

De acordo com as estatísticas da Justiça Eleitoral, a faixa etária com o maior quantitativo de eleitores valinhenses é a que reúne cidadãos entre 45 e 59 anos de idade. Eles somam 24.534, o que corresponde a 27,35% do eleitorado. Deste total, 12.741 são mulheres. Em seguida, estão os eleitores de 35 a 44 anos, que reúnem 18.225 pessoas – 20,32 % do total de eleitores.

Voto facultativo

Os jovens de 16 e 17 anos representam 0,57% do eleitorado em 2018, num total de 511 pessoas. Esse número refere-se ao quantitativo de eleitores que, neste domingo, dia 7, quando ocorre o primeiro turno das Eleições Gerais, ainda estarão nessa faixa etária, e, portanto, poderão exercer seu direito facultativo ao voto. Já os eleitores valinhenses acima de 70 anos, que também têm voto facultativo, somam 8.102 pessoas, ou 9,03%. Estes eleitores podem exercer o direito de escolher seus representantes .ulheres chegam a 51,59% do eleitorado valinhense

 

Da redação