Educação revisa Plano Municipal da Rede de Ensino em Valinhos

Educação revisa Plano Municipal da Rede de Ensino em Valinhos

A Prefeitura de Valinhos está revisando o Plano Municipal de Curso para as escolas da Rede Municipal de Ensino. A atualização, que não era feita há quatro anos, teve início em 2017 e será aplicada a partir de 2019. O Plano define objetivos a serem atingidos dentro do conteúdo programático de cada disciplina e ano escolar. Aborda questões como didática, linguagem e volume de conteúdo.

O secretário de Educação, Zeno Ruedell, explicou que as escolas municipais de ensino básico utilizam a Base Nacional Comum Curricular, além de disciplinas realacionadas à realidade local. Em Valinhos, segundo Ruedell, são levados às salas de aula questões sobre meio ambiente, fruticultura, cultura, folclore e história local, que inserem os alunos ainda mais na cidade onde vivem, fortalecendo a identidade.

"Além das disciplinas da Base Comum, para a formação escolar, os alunos passam a ter conhecimento de que a cidade tem uma produção expressiva de frutas que movimenta a economia local e que consomem vegetais plantados por moradores do município. Também aprendem sobre características da história local, folclore e cultura, e questões ambientais que os cercam diretamente", afirmou o secretário.

A atualização do Plano de Curso é fundamental para acompanhar as mudanças sociais, de aprendizado e comportamento dos estudantes. Segundo Ruedell, o documento tem cerca de 10 centímetros de altura e centenas de páginas. Também para o próximo ano, está previsto o início das aulas de musicalização na rede municipal, conforme o secretário. "Estamos trabalhando nesse projeto", disse.

Convênio

A Prefeitura está renovando o convênio com o governo do Estado para a cessão de sete professores estaduais que prestam serviços para a rede municipal. "Em 1998, quando municipalizamos o ensino, metade dos professores era do Estado. Há 10 anos, tínhamos de 50 a 60 professores estaduais nas escolas municipais. Hoje são sete", comentou. O convênio é renovado anualmente.

Uniforme

Ruedell comentou que já está em andamento a licitação para a compra de materiais escolares e uniformes que serão distribuídos no início do próximo ano letivo. "Já estamos com tudo encaminhado para que não haja atrasos", disse.

 

Da redação