Prefeito português visita Campinas para estreitar vínculo entre as cidades

Prefeito português visita Campinas para estreitar vínculo entre as cidades

Carlos Bassan / Prefeitura de Campinas

O vice-prefeito de Campinas, Henrique Magalhães Teixeira, recebeu durante esta quarta-feira, 15 de agosto, o presidente da Câmara Municipal de Fundão (Portugal), Paulo Fernandes. Um dos objetivos do encontro foi estreitar as relações entre Campinas e a cidade portuguesa, que já têm um acordo de cooperação desde 2012. Também foram discutidas ações para facilitar as relações comerciais e abrir o mercado internacional para as empresas dos dois municípios.
Esta é a terceira vez que o presidente da Câmara de Fundão, cargo equivalente a prefeito da cidade, visita a prefeitura de Campinas. Em agosto de 2014 e outubro de 2016, ele foi recebido pelo prefeito Jonas Donizette. “Estamos fortalecendo as nossas relações e existe o interesse das duas cidades de impulsionar esta aproximação para promover oportunidades para as empresas de Campinas e do Fundão”, disse Henrique Magalhães Teixeira.
O visitante português agradeceu o apoio institucional que a Administração Municipal de Campinas tem dado desde o acordo de cooperação assinado há seis anos. “Nós temos uma relação desde 2012 com Campinas, onde a prefeitura tem sido fundamental para abrir portas. Também temos relacionamento com a Unicamp e alguns centros de pesquisa da cidade. O conhecimento de Campinas em tecnologia é fortíssimo e já temos alguns resultados concretos desta parceria”, afirmou Fernandes. Ele citou como exemplo a instalação, em 2015, do Centro de Biotecnologia de Plantas de Beira Interior, no município de Fundão, fruto de uma parceria com a Unicamp. A cooperação entre as cidades na área de tecnologia associada à agricultura também foi pauta das conversas nesta quarta-feira.
O prefeito do Fundão também falou sobre a possibilidade de uma parceria com a prefeitura de Campinas para instalar em Lisboa, capital portuguesa, um Centro de Apoio aos Negócios. “Pretendemos apoiar as empresas de Campinas e região que queiram se internacionalizar para a União Europeia tendo Portugal como porta de entrada”, revelou Paulo Fernandes. Ele destacou também o interesse de parcerias para apoiar o desenvolvimento de startups (empresas jovens e de pequeno porte que desenvolvem projetos no segmento de pesquisas em tecnologia) das duas cidades.
A visita à prefeitura de Campinas nesta quarta-feira teve início pela manhã, quando o chefe do executivo do município português também realizou reuniões na Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Social e de Turismo, sendo recebido pelo secretário André von Zuben, pela diretora de Turismo, Alexandra Caprioli e pelo diretor de Cooperação Internacional, Tak Chung Wu. “Na área de turismo, falamos sobre a possibilidade da criação de programas para oferecer as regiões de Fundão e de Campinas como destinos turísticos, para que possam ser incluídas como roteiros para os brasileiros que vão a Portugal e aos portugueses que vêm para o Brasil”, explicou Fernandes.
Depois de passar esta quarta-feira reunido na prefeitura, o prefeito do Fundão terá mais uma agenda cheia em Campinas nesta quinta-feira, 16 de agosto. Ele visitará o projeto Sirius, no Centro Nacional de Pesquisa em Energias e Materiais (CNPEM), o complexo Royal Campinas – Convention Business & Hotels, a Unicamp e a IMA (Informática de Município Associados).

 

Da Redação